Mil e um, mil e um, mil e um... - Fernanda R-Mesquita

Dentro de cada um de nós
há um passarinho pronto a voar.
Temos mil e um, mil e um, mil e um....
Eu ouço asas batendo alegria,
tristeza, desapontamento,
lágrimas, sorrisos, amor...
Que festa! É o hino da liberdade
no paraíso da poesia,
nas asas dos poetas que batem
mil e uma vez, mil e uma vez, mil e uma vez...

















Comentários